1. gasolinaazul:

    Alberto Breccia

     
  2.  
  3. Cronicas Nocturnas #2 por rolomallada [ 2001 ]

    (via Uruguay Comics)

     
  4. El Angel Negro #5 de lisandrodipasquale [ 1999 ]

    (via Uruguay Comics)

     
  5. The original Che Guevara comic, created when you could get “disappeared” just for saying his name in the wrong company.

    Beware the site, at the end of the link for “bad” files.

    Go here for a preview of a few pages of that edition:

    http://roteirizandohq.wordpress.com/2009/06/20/che-os-ultimos-dias-de-um-heroi-mostra-um-mito-sem-tempo/

    via livrosdoexilado:

    O livro (Che: Os Últimos Dias de Um Herói - Héctor G. Oesterheld) foi postado no Exilado dos livros - http://adf.ly/m0YZU #ExiladoLivros

    Sinopse: “Che: Os Últimos Dias de um Herói” é a clássica biografia em quadrinhos de Ernesto “Che” Guevara, lançada originalmente em 1968 na Argentina, três meses após a morte do guerrilheiro, e publicada agora, pela primeira vez, em edição de luxo no Brasil.
    Obra-prima de texto e desenho, a HQ reúne dois gigantes dos quadrinhos latino-americanos: o roteirista argentino Hector Oesterheld e o desenhista uruguaio Alberto Breccia. Alcançou sucesso estrondoso e teve papel essencial na popularização de Che como herói latino-americano.
    O livro foi proibido em 1973, mas isso não impediu uma terrível perseguição política aos autores –que culminou, em 1977, com a prisão, tortura e assassinato, pela ditadura argentina, de Oesterheld e suas quatro filhas. Em 1979, o jornalista italiano Alberto Ongaro revelou o depoimento de um oficial do exército argentino sobre o caso: “Demos um sumiço nele por ter feito a mais bela história de Che Guevara já escrita”.